Batendo bronha com tio Eliezer no milharal

 

O tio Eliezer é meu segundo tio mais novo, já que o meu outro tio Elizeu era o mais novo e me ensinou a bater e como se batia punheta.

Um certo dia no ano de 2005, eu e meu tio Eliezer fomos fazer um serviço na plantação de milho, chegando lá, fizemos todo controle de pragas pulverizando pesticida na plantação, terminamos o serviço e fomos descansar no celeiro que estava vazio.

Na época, eu tinha 11 anos e ele 17, ele era mais branquinho do que eu e tinha o cabelo crespo. E ele era bem alto e tinha um  corpo bacana, ao contrário de mim que sempre fui gordinho.

Eu como era um cara muito tímido, ele logo começou a falar sobre mulheres, e com a  emoção, a minha minina começou a ficar dura, de repente eu comecei a bater uma nela. Ele também colocou a dele pra fora, e fiquei muito surpreso já que eu nunca tinha visto a dele antes, foi a primeira vez que eu vi aquela coisa linda de cabeça rosa. Ela media quase o dobro da minha e tinha o dobro de diâmetro.

E logo começou a sair aquele cheiro de amônia quando ele tirou ela pra fora e esfolou ela.

Ai eu fiquei tão empolgado e perguntei pra ele;

- Onde foi que você fodeu essa minina? Eu estou achando ela tão linda, que se ela desgrudar de você, vou me casar com ela agora mesmo, e no mais ela é tão linda pra ficar grudada em cara feio como você kkk.

Ele respondeu;

-"ah sim seu safado, ela é só minha e não divido com ninguém!

Aí ele começou a massagear a minina dele sem bater punheta, de repente ela começou a vomitar leite que foi saindo que foi saindo aos poucos da boca dela.

Fiquei tão apaixonado que queria dar um beijo e uma chupada na menina dele, mas eu estava com vergonha de pedir, pois não sabia qual seria a reação dele.

E ele disse se referindo ao leite que jorrava; 

-"é com isso que se faz bebê,"

Eu então perguntei "como você vai fazer um bebê nela, se ela nem tem útero e além do mais, tá vomitando tudo! E como você consegue fazer ela vomitar sem nem mesmo bater bronha nela"

Ele disse; -“é que está com um mês acumulado!”

Fiquei surpreso! E ao tempo, não passava a vontade imensa de dar um beijo nela, nem que fosse a força.

E olhando aquela cena, fui chegando perto dele devagarzinho, aí neste momento ia passando um animal silvestre perto de nós e eu falei; "olha o tatu!". Enquanto ele olhava pro tatu, rapidinho dei uma chupada bem dada na minina dele enquanto ele estava distraído.

Aí tomou um susto. E ele furioso perguntou; -"tu é doido e moleque? Quem te deu permissão?" Dessa vez vou te perdoar, mas da próxima você leva uma surra!"

Mas tudo terminou bem, nos vestimos e fomos para casa.

Aí só disso já senti todo o prazer do dia sem nem mesmo terminar de bater punheta.

Foi um dos dias mais felizes da minha vida, pois consegui dar um beijo a força na minina do meu tio, na qual eu estava extremamente apaixonado por ela.

=========================

Essa é uma história real!

Gostou dessa história? Mande a sua também falando dos bons momentos com sua minina. Sua história é bem vinda.

Mande via e-mail para vaniltonvilaca@gmail.com 

Ou mande mensagen via WhatsApp pelo número; 092992686401


Postar um comentário

3 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.
  1. Pense num tesão que fiquei em ler a história, principalmente pelo fato da garota ser uma pica.
    Gostei da história, lutou e conseguiu dar um beijo 😘 na garota na qual estava apaixonado por ela.
    Agradeça ao tatu, ele ajudou bastante!

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir